Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Zine de Pão

Caderno de notas sobre farinhas, leveduras e temperaturas

Zine de Pão

Caderno de notas sobre farinhas, leveduras e temperaturas

02.Abr.17

O pão, a meu ver

padeiro
Era uma vez um blogue que vai fazer seis anos em 2017. Nesses seis anos, e ainda antes desses, o autor do blogue andou a "namorar" o pão e continua numa relação feliz com ele. Às vezes não nos conseguimos compreender muito bem um ao outro, como em qualquer relação, mas isso não interessa muito para o post em questão. Ao longo destes dos últimos nove anos da minha vida passou-se muita coisa. Passei de mero consumidor a entusiasta das fornadas caseiras e depois passei de (...)
20.Mar.17

O bom filho a casa retorna

padeiro
Nas minhas últimas visitas a Lisboa reparei que se vive um clima de acordar para o que é bom pão. Alguns acusam-me de "dizer mal do nosso pão" e que é "mesmo conversa de emigrante", mas parece que não só eu a acordar para a realidade. Em Lisboa, agora só se fala do Diogo Amorim e com razão. O Diogo está a desenvolver um trabalho na Gleba que é quase inédito na Europa, não conheço nenhuma padaria no velho continente que mói integralmente todos as farinhas na própria padaria (...)
17.Dez.16

Pão na televisão pública

padeiro
Na semana passada o programa 'Sociedade Civil' da RTP2, um programa diário com um tema diferente a cada dia, teve como tema "Pão". Apesar de estar a viver fora de Portugal, a transmissão do programa chegou-me depressa aos ouvidos. É um programa que é importante ver, retrata bem a situação do pão em Portugal com os comentários de algumas caras que nós, amantes do pão, já conhecem. Fica aqui o link (...)
21.Out.16

"Que pão comprar para os meus filhos?"

padeiro
A pergunta chegou através de um amigo próximo e não é uma pergunta fácil de responder. Também não é difícil, mas exige um texto um pouco mais longo do que uma conversa via Facebook.   A primeira coisa a ter atenção é que o melhor pão para os teus filhos é exactamente o mesmo que o melhor pão para ti próprio. Não é por sermos adultos que passa a ser OK comer pães cheios de ingredientes redundantes, como aditivos, açúcares, enfim - coisas redundantes e que não fazem (...)